Notícias

Cine PE, que volta a ser presencial, divulga sua seleção 2021

Publicado em 05/11/21 às 14h27

Após uma edição sem público devido à pandemia de Covid-19, o CINE PE volta com programação 100% presencial em 2021. Entre os dias 23 e 26 de novembro, o Festival Audiovisual aporta em local inédito: o centenário Teatro do Parque, primeiro teatro equipado para receber filmes sonoros no Nordeste, reinaugurado recentemente após 10 anos de reforma. Além do novo local, outra novidade é o horário do festival, com exibições em dois horários. A partir das 14h, ocupam a tela os competidores das mostras de curtas-metragens; às 19h será a vez dos longas-metragens.
 
"Os Ossos da Saudade", de Marcos Pimentel
 
Os seis longas nacionais selecionados para a mostra competitiva foram os documentários Os ossos da saudade, de Marcos Pimentel (MG); Ainda estou vivo, de André Bomfim (SP); e Muribeca, de Alcione Ferreira e Camilo Soares (PE); e as ficções Lima Barreto ao terceiro dia, de Luiz Antônio Pilar (RJ); Receba!, de Pedro Perazzo e Rodrigo Luna (BA); e Deserto Particular, de Aly Muritiba (PR); este último, premiado no Festival de Veneza 2021 e que foi o escolhido para representar o Brasil na disputa por uma vaga na próxima edição do Oscar.  
 
Já a Mostra Competitiva de Curtas-Metragens Nacionais contempla realizadores do Amazonas, São Paulo, Goiás, Pernambuco, Distrito Federal, Rio de Janeiro, Bahia, Rio Grande do Sul, Paraná, Minas Gerais, Espírito Santo, Pará, Rio Grande do Norte e Amapá.
 
Mais uma vez a missão de selecionar os indicados para as mostras competitivas do CINE PE foi dos curadores Edu Fernandes, crítico e programador do circuito Cine Materna, e Nayara
 
"Ainda estou vivo", de André Bomfim
 
Reynaud, crítica de cinema, repórter, criadora e editora-chefe do site cultural Nervos (SP).  
 
“Quando cheguei para trabalhar na curadoria do CINE PE junto com o Edu, ele já tinha um norte muito bem estabelecido sobre a diversidade regional que o festival sempre procura trazer. E, a partir disso, a cada edição, tentamos fazer o mesmo em relação aos formatos, gêneros, temáticas, etc. Espero que o público possa conferir como está este panorama da produção cinematográfica pelo país, apesar de todas as dificuldades”, conta Nayara.
 
O acesso ao festival será gratuito, tanto para a exibição de curtas quanto para os longas-metragens. Seguindo protocolos de higienização e sanitização, a capacidade do Teatro do Parque será reduzida a 500 expectadores. Além disso, só será permitida a entrada do público de máscara e mediante apresentação de cartão de vacinação contra Covid-19.
 
SERVIÇO 
 
25º CINE PE - Festival do Audiovisual 
De 23 a 26 de novembro de 2021, Mostras Competitivas de Curtas a partir das 14h; Mostras Competitivas de Longas a partir das 19h.
 
SESSÕES
Local: Teatro do Parque (R. do Hospício, 81 - Boa Vista, Recife - PE)
Ingressos: Acesso gratuito (mediante a retirada do ingresso na bilheteria 2 horas antes do início do evento)
Informações: 81-985706292/festival@bpe.com.br
 
COLETIVAS
Local: Nobile Suítes Executive (Av. Boa Viagem, 344 - Pina, Recife - PE, 51011-000)
Tel.: (81) 3049-7400

Outras notícias