Notícias

MIS-SP organiza curso online de história do cinema a partir de abril

Publicado em 28/03/21 às 12h21

Começa em 6 de abril o curso História do Cinema: a evolução da linguagem cinematográfica, ministrado pelo jornalista, escritor e professor Marcelo Lyra no MIS-SP.
 
O curso abrange 24 aulas, realizadas de 3ª e 5ª feira, das 19h às 21h, no formato analítico expositivo, via Zoom, e dividido em quatro módulos, estendendo-se até 27 de maio. O conteúdo aborda a evolução da linguagem cinematográfica por intermédio do estudo dos principais filmes e diretores, que, com sua criatividade, propiciaram essa evolução. Partindo dos irmãos Lumiére, observamos como o genial Méliès desenvolve a arte de narrar, passamos pelas descobertas de montagem e enquadramentos de Griffith, Chaplin, a chegada do som, a revolução de Orson Welles, Hitchcock e Jean-Luc Godard, até chegar a Kubrick, Coppola, Tarantino e a era digital. Os musicais em Hollywood e no Brasil. Serão estudados os movimentos cinematográficos importantes, como expressionismo, Neo-Realismo, Nouvelle Vague e Cinema Novo. Ao final, está prevista uma análise sobre as possibilidades da era no cinema digital.

Módulo I – A era do cinema mudo, expressionismo e o som. Cinema brasileiro - nos dias 06, 08, 13 e 15 de abrildas 19h às 21h
Aula 1 | Os primeiros passos e as descobertas de Lumiére e Méliès, o surgimento dos enquadramentos, da montagem. O desenvolvimento da arte de falar por imagens: Griffith, o criador da linguagem cinematográfica moderna.
Aula 2 | Charles Chaplin, Buster Keaton. O surgimento das técnicas de montagem, iluminação e enquadramento. A força visual do expressionismo alemão. A chegada do som, os musicais, o filme de gângster. Como Fritz Lang migra para Hollywood e ajuda a criar o film noir.
Aula 3 | Os primeiros filmes que restaram do cinema mudo brasileiro, A filha do advogado, o cinema regional. Os estúdios como Atlântida, Cinédia e Vera Cruz.
Aula 4 | Anos 1940: a revolução de Cidadão Kane. O cinema europeu do pós-guerra: Neo- Realismo, diretores revolucionários como Rossellini, De Sica.

Módulo II –Anos 1950 e o filme B, o cinema japonês e o cinema de autor - nos dias 20, 22, 27, 29 de abril, das 19h às 21h
Aula 1 | Os mestres do cinema japonês: Kurosawa, Ozu e Mizoguchi. Os musicais.
Aula 2 | O filme B se firma e cria espaço para novos diretores. Surge como gênero a ficção científica, em meio à conquista do espaço e a paranoia da Guerra Fria.
Aula 3 | O fenômeno Alfred Hitchcock, a ruptura de regras e as técnicas de manipulação do espectador. A expansão da tela com os formatos largos do Cinemascope e a novidade dos efeitos 3D.
Aula 4 | A força do novo cinema italiano. Pasolini e Fellini. O talento do sueco Ingmar Bergman.

Módulo III – Anos 1960: novos movimentos sacodem a linguagem - nos dias 04, 06, 11, 13 de maio, das 19h às 21h
Aula 1 |A Nouvelle Vague francesa: Godard e Truffaut. A arte de Luis Buñuel.
Aula 2 | A influência da Nouvelle Vague no Brasil. Como o movimento europeu influencia o Cinema Novo e o Cinema Marginal no Brasil. Glauber Rocha, Rogério Sganzerla, Andrea Tonacci, Carlos Reichenbach, Walter Hugo Khouri.
Aula 3 | O ciclo do cinema erótico e as pornochanchadas. O fenômeno Eduardo Coutinho.
Aula 4 | Anos 1960 (parte 2): O cinema de Kubrick e Sergio Leone. O surpreendente talento de diretor do até então ator cômico Jerry Lewis. O revisionismo dos mitos do faroeste e do herói clássico. Herzog e o novo cinema alemão.

Módulo IV – Os independentes da Nova Hollywood, o blockbuster e a era digital - nos dias 18, 20, 25, 27 de maio, das 19h às 21h
Aula 1 | Anos 70: Diretores da chamada Nova Hollywood como Altman, Coppola, e Scorsese revolucionam a linguagem
Aula 2 | A indústria se firma com blockbusters como Tubarão e Star Wars, que dominam o imaginário pop. As novas regras e a ditadura dos script doctors, sequências e remakes entram na ordem do dia. O cinema pós-moderno: Quentin Tarantino.
Aula 3 | A revolução da era digital. Nos dois extremos, o contraponto entre a simplicidade estética defendida pelo movimento Dogma 95 e a sofisticação técnica dos efeitos de Titanic e Exterminador do futuro 2.
Aula 4 |Balanço geral do curso e os novos rumos da linguagem. Novos rumos a partir da era digital. Personagens digitais tornam-se atores, como em Harry Potter. A técnica e a sofisticação visual graças à tecnologia digital de Matrix. Balanço geral do curso.
 
Condições promocionais:
Cada módulo custa R$ 120,00 e pode ser adquirido um combo, compreendendo os 4 módulos com 105 de desconto (R$ 432,00, podendo o pagamento ser dividido em duas vezes).
 
Datas:
 
Módulo I: 06, 08, 13 e 15 de abril.
Módulo II: 20, 22, 27 e 29 de abril.
Módulo III: 04, 06, 11 e 13 de maio.
Módulo IV: 18, 20, 25 e 27 de maio.
 
Informações no site: https://www.mis-sp.org.br/cursos

Outras notícias