Notícias

Globo de Ouro premia Mendes e Tarantino e esnoba Scorsese

Publicado em 06/01/20 às 10h03

 A ausência de prêmios para Dois Papas, de Fernando Meirelles, e O Irlandês, de Martin Scorsese foi uma das surpresas da 77ª cerimônia de premiação do Globo de Ouro, nesta noite de domingo (5). Os filmes mais premiados foram Era uma vez em… Hollywood (foto), de Quentin Tarantino, com três troféus (melhor filme - comédia/musical, melhor roteiro e melhor ator coadjuvante para Brad Pitt), e, com dois cada, o ainda inédito no Brasil 1917, de Sam Mendes (melhor filme - drama) e melhor direção de filmes, Rocketman, de Dexter Fletcher, (melhor ator - musical/comédia para Taron Egerton) e melhor música (“(I’m gonna) Love me again”) e Coringa, de Todd Phillips (melhor ator-drama para Joaquin Phoenix) e melhor trilha original de filmes (Hildur Guonadóttir). 
 
Como se esperava, o drama sul-coreano Parasita, de Bong Joon-ho, venceu como melhor na categoria filme em língua estrangeira.

Abaixo, a premiação completa:

Melhor filme/drama - 1917
 
Melhor filme/ musical-comédia - Era uma vez em … Hollywood
 
Melhor atriz/drama - Renée Zelwegger, por Judy - Muito Além do Arco-Íris
 
Melhor ator/drama - Joaquin Phoenix, por Coringa
 
Melhor ator/musical-comédia - Taron Egerton, por Rocketman
 
Melhor atriz/musical-comédia - Awkwafina, por The Farewell
 
Melhor ator coadjuvante/filmes - Brad Pitt, por Era uma vez em… Hollywood

Melhor atriz coadjuvante/filmes - Laura Dern, por História de um Casamento
 
Melhor direção/filmes - Sam Mendes, por 1917
 
Melhor música/filmes - (“I’m gonna) Love Me Again”, de Rocketman
 
Melhor animação - Link Perdido

Melhor roteiro/filmes - Quentin Tarantino, por Era uma vez em… Hollywood
 
Melhor filme em língua estrangeira - Parasita
 
Melhor trilha original/filmes - Hildur Guonadóttir, por Coringa
 
Melhor atriz/série TV musical ou comédia - Phoebe Waller, por Fleabag

Melhor ator/série TV musical ou comédia - Ramy Youssef, por Ramy

Melhor ator/série limitada ou filme para TV - Russell Crowe, por The Loudest Voice

Melhor ator coadjuvante/série limitada ou filme para TV - Stellan Skargard, por Chernobyl

Melhor série/drama - Succession

Melhor série/musical ou comédia - Fleabag

Melhor série limitada ou filme para TV - Chernobyl

Melhor atriz/série limitada ou filme para TV - Michelle Williams, por Fosse/Verdon

Melhor atriz coadjuvante/série limitada ou filme para TV - Patricia Arquette, por The Act

Melhor atriz/série de TV - drama - Olivia Colman, por The Crown

Melhor ator/série de TV - drama - Brian Cox, por Succession


Outras notícias