Notícias

CineSesc apresenta seleção de filmes do Festival do Rio 2018

Publicado em 29/11/18 às 14h27

Desta quinta (29-11) até a próxima quarta (5-12), o Cinesesc paulistano exibe uma seleção de longas e curtas apresentados no Festival do Rio 2018. A seguir, sinopses e horários de apresentação dos filmes, bem como de exposições de artes visuais, que continuam em cartaz:
 
 
Seleção Rio 2018
 
A Árvore
Em uma rotina silenciosa, quebrada pelos sons de tiros e explosões que ecoam ao seu redor, um homem, acompanhado apenas de seu cão, dedica-se a coletar água para consumo próprio e de seus vizinhos. Durante uma de suas viagens rio acima, em meio a um forte sentimento de solidão acentuado por longos planos sequência, ele avista um menino entre a neve e a escuridão sob uma árvore na margem. Esse encontro, registrado com fotografia de clima onírico, leva o personagem a rever sua existência marcada por duas guerras. O filme foi lançado no Festival de Berlim 2018.
A partir de 16 anos
Dia 29/11, quinta, às 15h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Hal Ashby
Vida e obra de Hal Ashby (1929-1988), o gênio único que produziu uma sucessão de vencedores do Oscar nos anos 70, são evocadas em entrevistas com os atores Jane Fonda, Jon Voight e Jeff Bridges, além dos diretores Alexander Payne e Norman Jewison, entre outros. Ashby foi o realizador de clássicos como Ensina-me a viver (1971), Shampoo (1975) e Amargo regresso (1978). Enquanto, para o consumo externo, o diretor encarnava uma paz fundamental, em seu íntimo lidava com questões profundas que depois transformaria nos temas principais de seu trabalho. Sundance 2018.
A partir de 14 anos
Dia 29/11, quinta, às 17h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Game Girl 
Teri e sua namorada, Tiahna, levam seu relacionamento pelos caminhos caóticos de Skid Row, Los Angeles, a "capital dos sem-teto dos EUA". Um dilema aumenta a tensão entre as duas mulheres: enquanto Tiahna está confortável vivendo no submundo econômico de Skid Row, Teri é tomada por um forte desejo de cair fora. Juntas a outras mulheres da vizinhança, elas frequentam um workshop semanal de arte expressiva, onde refletem, sonham e cicatrizam suas feridas. Será que o amor entre elas sobreviverá à violência de seu passado e do lugar aonde vivem? Mostra Panorama, Festival de Berlim 2018.
A partir de 16 anos
Dia 29/11, quinta, às 19h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Studio 54
O Studio 54 foi o epicentro do hedonismo nos anos 70: monumental ponto de encontro de estrelas, sexo casual e montanhas de cocaína, um templo de excessos com regras próprias. O diretor registra ascensão e queda dos fundadores da lendária casa noturna: dois amigos do Brooklyn, Ian Schrager e Steve Rubell, conquistaram Nova York e depois viram seu império desmoronar. Com imagens raras, um desfile colorido de clientes e funcionários, além de entrevistas sinceras com Schrager, o filme revela como até um fenômeno cultural potente e transformador pode ser vulnerável e fugaz.
A partir de 16 anos
Dia 29/11, quinta, às 21h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
Luna
Na escola, Luana, adolescente introvertida, criada pela mãe solteira, conhece Emília, também filha única, mas com pais ricos que vivem viajando. A amizade das duas é abalada quando Luana tem sua intimidade exposta nas redes sociais.
A partir de 14 anos
Dia 30/11, sexta, às 17h30
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Ilha
Emerson, jovem da periferia, quer fazer um filme sobre a sua história na Ilha, onde quem nasce nunca consegue sair. Para isso, ele sequestra Henrique, um premiado cineasta. Juntos, eles reencenam a vida, mas com alguma licença poética. A produção conquistou os prêmios de ator (Aldri Anunciação) e roteiro (Ary Rosa) no Festival de Brasília 2018.
A partir de 16 anos
Dia 30/11, sexta, às 19h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
El Pepe, uma vida suprema
Aos 80 anos, José Mujica, ex-presidente do Uruguai, guerrilheiro urbano e preso político, é hoje um líder global. Talvez ele seja o último revolucionário do mundo. Sua vida parece um filme, e ele escolheu o aclamado diretor sérvio Emir Kusturica para contar sua jornada de vida. Juntos eles traçam um diálogo íntimo que explora o significado da existência enquanto comprometimento político e aventura poética. As filmagens começaram em 2014, durante os últimos dias de Mujica como presidente. Kusturica captura seu ponto de vista único sobre o mundo em que vivemos. Festival de Veneza 2018.
A partir de 14 anos
Dia 30/11, sexta, às 21h
Dia 2/12, domingo, às 17h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
CURTAS 1
Invasão Drag
Direção e roteiro:
RAFAEL RIBEIRO. Brasil. 13'. 2018.
Retrato de uma nova geração de drag queens que, oriunda de diversas classes sociais e pautada pelas novas tecnologias, busca mais visibilidade na sociedade.

Jéssika
18'. Brasil - 2017
Direção e roteiro:
GALBA GOGÓIA
Jéssika é uma travesti. Anos depois de deixar o interior do Nordeste, retorna para sua idade natal. Nessa viagem, reencontra sua história e a si mesma.

Gopi
15'. Brasil / Índia - 2018
Direção: VIVIANE D'AVILLA E PAULO DIMANTAS (CODIREÇÃO)
Gopi foi o mais novo e primeiro intersexual a se candidatar nas eleições da Assembleia Legislativa do estado de Tamil Nadu, na Índia. Gopi luta diariamente pelos direitos dos intersexuais e da comunidade LGBTQIA.

Vigia
22'. Brasil - 2018
Direção e roteiro:
JOÃO VICTOR BORGES
Num grande supermercado, Magno vigia meninos de mochila nos corredores, enquanto a madrugada se arrasta lentamente para Bismarck, o Caixa 11.
A partir de 16 anos
Dia 1/12, sábado, às 15h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Obscuro Barroco
Esta é uma mistura de documentário e ficção sobre os inebriantes clímaxes do gênero e da metamorfose. É também uma homenagem cinematográfica a uma terra de extremos: a cidade do Rio de Janeiro, Brasil. Seguindo os caminhos de Luana Muniz (1961-2017), figura icônica do transgênero, o filme explora diferentes buscas por autoconhecimento através do travestismo, do carnaval e da luta política. Em troca, propões questões sobre o desejo de transformação do corpo, tanto íntimo quanto social. Exibido na mostra Panorama do Festival de Berlim 2018.
A partir de 14 anos
Dia 1/12, sábado, às 17h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Rogéria 
Criador e criatura. Rogéria nasceu Astolfo. Começou a carreira como maquiador de grandes estrelas, que o estimularam a cantar e interpretar, sempre como uma figura feminina. O nome Rogéria veio pelo "público". Assim que "surgiu", Rogéria tomou as rédeas da situação e escondeu Astolfo da sociedade. Agora, Rogéria quer dar voz a Astolfo. Para tanto, este docudrama aborda as histórias de Rogéria e de Astolfo, que se conjugam em uma só, mas que têm relações ímpares e complexas entre si.¿
A partir de 10 anos
Dia 1/12, sábado, às 19h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Buddies
Quando David, um yuppie gay de 25 anos, se voluntaria a ser um "buddy" para pacientes com AIDS, ele conhece Robert, 32 anos, um jardineiro californiano de verve altamente politizada, que foi abandonado pelos amigos e pela família. À medida que David muda sua visão ao conhecer Robert, nós também mudamos. Passado quase todo em torno do quarto de hospital, o filme é centrado nos dois personagens (o resto do elenco pode ser apenas ouvido). Um retrato atemporal de uma era da história LGBTQ, este foi o primeiro filme produzido sobre a AIDS, e é apresentado em cópia restaurada.
A partir de 14 anos
Dia 1/12, sábado, às 21h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Para'í
Pará, menina guarani, encontra por acaso um milho típico de sua cultura que nunca havia visto. Ela se encanta com seus grãos coloridos e procura cultivá-lo. Na busca por sementes para iniciar a plantação, é levada a questionar seu lugar no mundo. Quem ela é? Por que fala português, e não guarani? Por que é diferente dos colegas da escola? Por que seu pai vai à igreja cristã? Por que moram em uma aldeia tão perto da cidade? Por que seu povo luta por terra?
Todas as idades
Dia 2/12, domingo, às 15h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Dez anos Tailândia
Quatro diretores são convidados a imaginar seu país daqui a uma década. Cada um contribui com um episódio. Reunidos, os curtas soam como uma advertência a respeito da atual situação política na Tailândia. Desde 2014, o país é submetido a uma ditadura militar que restringiu as discordâncias, a opinião pública, a criatividade e a diversidade de pensamento. Um novo nacionalismo agora é promovido com suas próprias regras estreitas sobre o que são ideias e ações corretas. Caso esse modelo continue, como vai ser a próxima década?
A partir de 14 anos
Dia 2/12, domingo, às 19h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Imagine
Uma filmagem surrealista, que mistura ficção e vida real, de um dia na vida de John Lennon e Yoko Ono, composto a partir de canções do histórico álbum Imagine, de John, e do álbum Fly, de Yoko. Uma colagem cinematográfica de cores, sons, sonhos e realidade, o filme foi produzido e dirigido por John e Yoko, que, ao lado de numerosas estrelas, como George Harrison, Fred Astaire, Andy Warhol, Dick Cavett, Jack Palance e Jonas Mekas, criaram um mundo de imaginação tão rico e comovente quanto a música que o acompanha. Relançamento em cópia restaurada com cenas inéditas.
A partir de 14 anos
Dia 2/12, domingo, às 21h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
A Cada Momento
Todos os anos, milhares de estudantes - na maioria mulheres - embarcam em cursos de formação de enfermagem, onde irão passar a maior parte do seu tempo entre palestras, exercícios práticos e estágios. Um processo difícil, durante o qual terão que adquirir um grande conhecimento, dominar
numerosos procedimentos técnicos e preparar-se para responsabilidades pesadas. Este documentário acompanha os altos e baixos de um aprendizado que lida com a fragilidade humana, o sofrimento, a doença, as falhas nas almas e nos corpos. Portanto, fala sobre todos nós, sobre a nossa humanidade.
A partir de 14 anos
Dia 3/12, segunda, às 15h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,5
0
 
Ryuichi Sakamoto: um concerto em Nova York
Rodado durante a produção de Ryuichi Sakamoto: Coda, documentário sobre a vida e o processo criativo do artista, este filme é um registro ao vivo do concerto intimista apresentado por Ryuichi Sakamoto em Nova York. Na apresentação, registrada com oito câmeras, o músico mostrou ao público pela primeira vez o repertório de async, seu 16º disco solo, o primeiro álbum de inéditas lançado por ele em oito anos. O trabalho, de 2017, foi elogiado pela crítica especializada em publicações como Rolling Stone e Pitchfork.
A partir de 14 anos
Dia 3/12, segunda, às 17h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Os olhos de Orson Welles
A produção teve acesso exclusivo a centenas de pinturas e desenhos pessoais de Orson Welles, mergulhando no universo visual do lendário diretor e ator para revelar um retrato do artista nunca foi visto antes - através de seus próprios olhos, esboçado com a própria mão, pintado com seu próprio pincel. Produzido por Michael Moore, o filme traz à vida as paixões, a
política e o poder deste brilhante showman do século XX, mostrando como o gênio de Welles ainda ressoa até hoje, na era de Trump, mais de 30 anos depois sua morte. Premiado no Festival de Cannes com o Golden Eye.
A partir de 14 anos
Dia 3/12, segunda, às 19h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Monrovia, Indiana
Monrovia, Indiana (população: 1.063), cidadezinha localizada no meio dos Estados Unidos, foi fundada em 1834 e é uma comunidade agrícola. O filme mostra as experiências de vida e trabalho no dia a dia de Monrovia, com foco nas instituições e organizações comunitárias e religiosas da cidade. Um olhar complexo e sutil da rotina da cidade, o filme fornece uma
compreensão do modo de vida da América rural, que sempre foi de vital importância, mas cuja força e influência nem sempre foram reconhecidas. Exibido no Festivalde Veneza.
A partir de 14 anos
Dia 3/12, segunda, às 21h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Hal Ashby
Vida e obra de Hal Ashby (1929-1988), o gênio único que produziu uma sucessão de vencedores do Oscar nos anos 70, são evocadas em entrevistas com os atores Jane Fonda, Jon Voight e Jeff Bridges, além dos diretores Alexander Payne e Norman Jewison, entre outros. Ashby foi o realizador de clássicos como Ensina-me a viver (1971), Shampoo (1975) e Amargo regresso (1978). Enquanto, para o consumo externo, o diretor encarnava uma paz fundamental, em seu íntimo lidava com questões profundas que depois transformaria nos temas principais de seu trabalho. Sundance 2018.
A partir de 14 anos
Dia 4/12, terça, às 15h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Julian Schnabel: retrato do artista
Documentário sobre o pintor e cineasta americano Julian Schnabel. Durante a montagem de sua retrospectiva na Peter Brant Foundation, em Connecticut, seu querido amigo Lou Reed morre e faz com que Julian reflita sobre sua vida, suas origens, o início de carreira, sua vida nos anos 80 em Nova York, o desejo de fazer filmes, crises pessoais e artísticas e tudo o que ele fez ao
longo dos últimos 40 anos. Tudo isso contado visualmente (imagens do assado, de seu arquivo pessoal) e também através das histórias de Julian, sua família, amigos e personalidades que atravessaram sua vida.
A partir de 14 anos
Dia 4/12, terça, às 17h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Longe da árvore
O filme acompanha famílias que enfrentam desafios excepcionais na base do amor, da empatia e da compreensão. Este documentário de valorização da vida nos inspira a apreciar as pessoas que amamos por tudo que elas são, não pelo que poderiam ter sido. Baseado no premiado e aclamado Longe da Árvore: pais, filhos e a busca da identidade, de Andrew Solomon, livro mais vendido na lista de não-ficção do jornal The New York Times.
A partir de 14 anos
Dia 4/12, terça, às 19h
Ingresso - Grátis / Grátis / Grátis
 
A Cada Momento
Todos os anos, milhares de estudantes - na maioria mulheres - embarcam em cursos de formação de enfermagem, onde irão passar a maior parte do seu tempo entre palestras, exercícios práticos e estágios. Um processo difícil, durante o qual terão que adquirir um grande conhecimento, dominar
numerosos procedimentos técnicos e preparar-se para responsabilidades pesadas. Este documentário acompanha os altos e baixos de um aprendizado que lida com a fragilidade humana, o sofrimento, a doença, as falhas nas almas e nos corpos. Portanto, fala sobre todos nós, sobre a nossa humanidade.
A partir de 14 anos
Dia 4/12, terça, às 21h30
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
Friedkin Uncut
Uma visão íntima da vida e da jornada artística de William Friedkin, o extraordinário e excêntrico diretor de filmes cult como O exorcista, Operação França, Parceiros da noite e O comboio do medo. Pela primeira vez, Friedkin se revela, guiando os espectadores por uma viagem fascinante pelos temas e histórias que influenciaram sua vida e sua carreira. Graças à participação de grandes amigos e colaboradores (como Francis Ford Coppola, Ellen Burstyn, Quentin Tarantino, Willem Dafoe, entre outros), é possível descobrir curiosidades e debater sobre o que realmente significa ser um artista. Festival e Veneza 2018.
A partir de 14 anos
Dia 5/12, quarta, às 15h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
CURTAS 2
Sempre verei cores no seu cinza
18' -Brasil / Brasil - 2018
Direção e roteiro:
ANABELA ROQUE
Desde 2015, a UERJ vive uma situação de degradação crescente. A comunidade acadêmica resiste. Entre os protagonistas desta luta está a estudante de arte atheusa Passareli, ativista LGBTQ, desaparecida em abril de 2018.

Cadelas
20' - Brasil - 2018
Direção e roteiro:
RITA TOLEDO
De volta ao sítio onde passou a infância, Amanda experimenta o amor em suas diferentes formas: a melhor amiga, um garoto perigoso e adoráveis cachorrinhos.

Você não me conhece
14' - Brasil - 2017
Direção e montagem/Direction and editing:
RODRIGO SÉLLOS
Uma mulher vítima de estupro. Corpo irreconhecível, cabeça imersa em sensações estranhas. Mas ela se mantém de pé. Com coragem, traça um caminho para se curar e acaba por ajudar tantas outras mulheres.

Lembra
10' - Brasil - 2018
Direção, roteiro e fotografia/Direction, screenplay and photography:
LEONARDO MARTINELLI

O cotidiano de uma jovem carioca testemunhado através da tela de seu celular.
A partir de 16 anos
Dia 5/12, quarta, às 17h
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
RBG: HERO. ICON. DISSENTER.
Aos 85 anos, a juíza da Suprema Corte Americana Ruth Bader Ginsburg construiu um legado que a transformou em um ícone inesperado da cultura pop . Mas a trajetória singular que a levou até o posto mais alto da Justiça americana é desconhecida, mesmo para seus maiores admiradores. O filme explora a vida e a carreira de Ginsburg. Estreou no Festival Sundance 2018.
A partir de 16 anos
Dia 5/12, quarta, às 19h
Ingresso - Grátis / Grátis / Grátis
 
Ryuichi Sakamoto: Coda
Um dos mais importantes artistas contemporâneos, Ryuichi Sakamoto  estabeleceu carreira prolífica que cobre mais de quatro décadas, da atuação como ator à condição de compositor de trilhas sonoras vencedoras do Oscar. A evolução de sua música coincidiu com jornadas pessoais. Após o desastre de Fukushima, Sakamoto tornou-se figura icônica no movimento
surgido no Japão contra o uso de energia nuclear. Quando voltou à música,  depois de tratar de um câncer, sua assombrosa consciência da vida inspirou nova obra-prima musical. Este documentário é um retrato íntimo do artista e do homem.
A partir de 14 anos
Dia 5/12, quarta, às 21h30
Ingresso - R$12,00 / R$6,00 / R$3,50

Fronteiras Finais
2001 - Uma Odisséia no Espaço
Em 2001, em uma missão espacial rumo ao planeta Júpiter, os astronautas David Bowman e Frank Poole se veem à mercê do computador HAL 9000, que controla a nave. HAL cometeu um erro, mas recusa-se a admiti-lo. Seu orgulho de máquina perfeita impede que aceite a evidência da falha. Por isso, para encobrir a própria e insuspeitada imperfeição, começa a eliminar os membros da equipe. 
Todas as idades
Dia 1/12, sábado, às 12h
Ingresso – R$12,00 / R$6,00 / R$3,50
 
Artes Visuais
Exposição Festival Sesc Melhores Filmes
Desenhos do artista Higo Joseph apresentam cenas de filmes nacionais premiados no Festival Sesc Melhores Filmes. Os desenhos serão executados direto nas paredes do saguão do CineSesc durante a premiação. 
Todas as idades
De 23/8 a 31/12, segundas a domingos, às 13h
Grátis
 
Tecnologias e Artes
Chalkroom
Laurie Anderson
Como programação complementar à 42ª edição da Mostra Internacional de Cinema, propomos o Projeto The Chalkroom. Chalkroom é uma obra em realidade virtual de Laurie Anderson e Hsin-Chien Huang na qual o leitor voa através de enormes estruturas feitas de palavras, desenhos e estórias. Uma vez dentro da obra, o espectador está livre para passear e voar. As palavras são construídas e ressignificadas através da atitude do espectador.
A instalação foi apresentada no 74º Festival Internacional de Veneza em setembro de 2017. Além disso, foi apresentada no Mass MoCA e no Festival de Literatura de Louisiana Museum. 
A obra será adaptada para o espaço Anexo 2, espaço em reforma que irá abrigar pela primeira vez uma programação do CineSesc.
O projeto é construído por seis estações de VRS/HTC. Quatro delas localizadas no primeiro andar e duas no andar térreo, garantido acessibilidade aos espectadores cadeirantes ou com mobilidade reduzida.
De 17/10 a 17/12, segundas a domingos, das 14h30 às 21h30
Ingresso - Grátis
 
 
Serviço
 
Cinesesc
 
Rua Augusta 2075, Cerqueira César, S. Paulo
Fone: (11) 3087-0500
 
 
 

Outras notícias