Notícias

Sesc Paulista promove sessões de cinema ao ar livre

Publicado em 23/08/18 às 11h57

Neste final de semana, de 24 a 26 de agosto, o Sesc Avenida Paulista promove a exibição de uma série de filmes ao ar livre. A programação inclui filmes brasileiros experimentais de vários períodos como os clássicos O vampiro da cinemateca, de Jairo Ferreira, Já visto jamais visto, de Andrea Tonacci, dentre outros. As sessões são gratuitas e ocorrem no terraço da unidade, ao ar livre, com vista para a Avenida Paulista. Os ingressos são distribuídos com uma hora de antecedência no térreo.
 
CONFIRA A PROGRAMAÇÃO:
 
24/08, SEXTA-FEIRA, ÀS 22H
(Duração: 98 minutos / Exibição digital)
 
Ecos caóticos (1975, 7'), de Jairo Ferreira
Super 8 rodado na cidade de São Luís do Maranhão, em homenagem ao poeta Sousândrade.
 
Entrevista com Jairo Ferreira (1991, 27'), de Arthur Autran e Paulo Sacramento
Trechos da entrevista realizada por dois estudantes de cinema na casa do crítico e realizador Jairo Ferreira, para o primeiro e único número da revista Paupéria.
 
O vampiro da cinemateca (1977, 64'), de Jairo Ferreira
Um jovem jornalista decide romper com as limitações impostas a sua profissão e começa a elaborar o roteiro de um filme.
 
25/08, SÁBADO, ÀS 22H
(Duração: 84 minutos / Exibição digital)
 
Kyrie ou o início do caos (1998, 14'), de Débora Waldman
Uma mulher é hipnotizada por um som místico e a partir disso o caos começa a se espalhar.
 
Landscape (2017, 16'), de Luiz Rosemberg Filho
Alguém lá de longe disse: "O artista está sempre certo, mesmo quando está errado". Será?
 
Já visto jamais visto (2014, 54'), de Andrea Tonacci
Um diálogo entre as memórias de um autor e as imagens que filmou e guardou ao longo de sua atividade cinematográfica.
 
26/08, DOMINGO, ÀS 19H
(Duração: 75 minutos / Exibição digital)
 
O espectador que o cinema esqueceu (1991, 20'), de Joel Yamaji
Documentário sobre Waldemar Iglesias, um senhor que há 58 anos vai ao cinema quase que diariamente.
 
Das ruínas à rexistência (2007, 13'), de Carlos Adriano
Montagem poética sobre os desconhecidos filmes do poeta Décio Pignatari.
 
Sem título # 4: Apesar dos pesares, na chuva há de cantares (2018, 29'), de Carlos Adriano
Sob o mote simbólico da chuva Carlos Adriano cria uma constelação poética de montagem "found footage" com trechos de 99 filmes e 8 versões de uma música.
 
A maldição tropical (2016, 13'), de Luísa Marques e Darks Miranda
Uma fricção entre dois projetos de nação: um imaginário tropical, personificado por Carmen Miranda, e um modernismo tardio corporificado no Rio de Janeiro pelo Parque do Flamengo.
 
SERVIÇO
SESSÃO INVENÇÃO
Sessões de cinema ao ar livre no terraço da Unidade
Dias: De 24 a 26 de agosto
Horário: 22h (sexta e sábado) e 19h (domingo)
Local: Café-Terraço (40 lugares)
Ingressos: Grátis – retirada e ingresso com uma hora de antecedência no térreo
Classificação etária: 18 anos
SESC AVENIDA PAULISTA
Avenida Paulista, 119, Bela Vista, São Paulo
Fone: (11) 3170-0800
Transporte Público: Estação Brigadeiro do Metrô – 350m
Site: sescsp.org.br/avenidapaulista
Facebook: facebook.com/sescavpaulista
Instagram: @sescavpaulista

Outras notícias