Somente o mar sabe

Ficha técnica


Avaliação do leitor

PéssimoRuimRegularBomÓtimo 0 votos

Vote aqui


Locais de filmagem


Sinopse

Donald Crowhurst foi um inventor e navegador amador. Quando sua família enfrenta uma crise financeira, no final dos anos de 1960, ele se inscreve numa competição para dar a volta ao mundo num barco. Porém, as coisas não saem como o esperado.


Nota Cineweb

PéssimoRuimRegularBomÓtimo


Crítica Cineweb

11/04/2018

A história de Crowhurst já rendeu filmes (o primeiro deles em 1970, logo depois dos fatos), ópera, peça de teatro, romance, e o diretor James Marsh (A teoria de tudo) e o roteirista Scott Z. Burns não têm muito a oferecer de novo, em termos de fatos, muito menos de cinema. O resultado é uma cinebiografia de águas calmas, que não se arrisca, que não ousa sair fora da cartilha do gênero. A vantagem é que tiveram um bom orçamento, e puderam fazer um filme com boas cenas marítimas, bons figurinos, cenários e direção de arte.
 
Não custa muito para que Crowhurst se dê conta de que não conseguirá prosseguir como manda a competição, então, ele começa a fingir que está seguindo as regras, dando notícias de seu prosseguimento como se estivesse tudo certo – mesmo fazendo, por exemplo, uma parada na Argentina.
 
<span style="Times New Roman" "="">Solitário e tomado em sua farsa, Crowhurst começa a perder a razão. E Firth talvez não seja o ator ideal para o papel. Sua figura é heroica, seu ar, nobre, quando aqui temos como protagonista um anti-heroi. O filme é generoso com o personagem e talvez algo menos benevolente e mais crítico possivelmente traria mais ganho a Somente o mar sabe.

Alysson Oliveira


Trailer


Deixe seu comentário:

Imagem de segurança