Quem é Primavera das Neves

Ficha técnica

  • Nome: Quem é Primavera das Neves
  • Nome Original: Quem é Primavera das Neves
  • Cor filmagem: Colorida
  • Origem: Brasil
  • Ano de produção: 2017
  • Gênero: Documentário
  • Duração: 75 min
  • Classificação: Livre
  • Direção: Jorge Furtado, Ana Luiza Azevedo
  • Elenco:

Avaliação do leitor

PéssimoRuimRegularBomÓtimo 2 votos

Vote aqui


Locais de filmagem


Sinopse

Tradutora e poeta, Primavera das Neves torna-se objeto da curiosidade de Jorge Furtado a partir de seu nome incomum. A investigação revela uma mulher extraordinária e talentosa, que viveu uma vida incomum.


Nota Cineweb

PéssimoRuimRegularBomÓtimo


Crítica Cineweb

26/05/2017

O documentário, dirigido a quatro mãos por Jorge Furtado e Ana Luiza Azevedo, é uma vitória da simplicidade. Não da simplicidade banal, mas da persistência de uma busca aparentemente singela que revela aspectos inusitados e poéticos de uma vida aparentemente comum.
 
Tudo começa como uma discreta investigação dos diretores, a partir da curiosidade despertada por um nome incomum: Primavera das Neves, tradutora de diversos clássicos da literatura. Tem toda a cara de um pseudônimo, de um nome inventado, mas não. O mais incrível é que se trata de uma pessoa que existiu e se chamava realmente Primavera Ácrata Saiz das Neves, era portuguesa, não só tradutora como também poeta, levando uma vida entre dois países, Portugal e o Brasil.
 
Como em todos os documentários instigantes, o processo de desvelamento importa muito e se torna parte da investigação. A partir de uma pista lançada por Jorge Furtado em seu blog, uma amiga de infância da tradutora, Eulalie Ligneuil, torna-se parceira desta procura por indícios de uma vida muito interessante, digna de conhecimento mas que seria invisível caso não se tornasse objeto desta curiosidade, e também da memória de amigas (outra é a artista plástica Anna Bella Geiger).
 
Neste processo, certamente, se desdobra mais uma camada, a da inserção na História. A vida de Primavera foi mudada por ditaduras, em Portugal e no Brasil, o que determinou parte de suas andanças, bem como as de seu marido, o militar português Manuel Pedroso Marques. É dele, aliás, um dos momentos mais comoventes do filme. E no todo o documentário se revela como uma celebração dos acidentes de todos os afetos. 

Neusa Barbosa


Trailer


Deixe seu comentário:

Imagem de segurança