Todos os dias

Ficha técnica


Avaliação do leitor

PéssimoRuimRegularBomÓtimo 0 votos

Vote aqui


País


Sinopse

Enquanto o marido cumpre uma sentença de prisão, Karen tenta criar os quatro filhos do casal. Entre as dificuldades do cotidiano e as visitas à cadeia, todos amadurecem, sofrem e tentam levar a vida adiante.


Nota Cineweb

PéssimoRuimRegularBomÓtimo


Crítica Cineweb

24/07/2014

A vida de uma família ao longo de cinco anos: essa é a proposta de Todos os dias, do cineasta inglês Michael Winterbottom (A festa nunca termina). O drama foi rodado ao longo dos anos, e acompanha não apenas o amadurecimento dos personagens, assim como o crescimento das quatro crianças – irmãos na vida real.

Ian (John Simm) está preso, e as visitas familiares na época do Natal pontuam os anos. Karen (Shirley Henderson) tenta criar os filhos sozinha, mas dificuldades financeiras e solidão são os maiores empecilhos. Winterbottom, que assina o roteiro com Laurence Coriat, investiga com delicadeza as dinâmicas de isolamento que afetam os personagens. Um frio intenso e constante marca a vida dessas pessoas, cujos únicos momentos de sol são quando Ian sai do presídio por algumas horas e as passa com os filhos e a mulher.

Ter sido rodado ao longo de cinco anos acrescenta a Todos os dias novas texturas, novas camadas de compreensão e amadurecimento. O crescimento das crianças é notável, assim como seus desempenhos na frente da câmera. Não há momentos de epifania ou a descoberta de grandes verdades. Winterbottom está mais interessado nos pequenos eventos cotidianos que fazem com que as pessoas sigam em frente. Nesse sentido, o filme é um estudo delicado e sagaz da vida que precisa continuar – mesmo que seus protagonistas estejam alienados disso.

Alysson Oliveira


Trailer


Deixe seu comentário:

Imagem de segurança