Prenda-me Se For Capaz

Ficha técnica


Avaliação do leitor

PéssimoRuimRegularBomÓtimo 0 votos

Vote aqui


Locais de filmagem


Nota Cineweb

PéssimoRuimRegularBomÓtimo


Crítica Cineweb

10/02/2003

Depois de estrear com sucesso nos Estados Unidos (48,6 milhões de dólares na abertura e 157,3 milhões acumulados em sete semanas), o novo filme do diretor Steven Spielberg chega ao Brasil, com Leonardo DiCaprio no papel de um jovem vigarista que aplica golpes milionários com muita astúcia e a ajuda de seu rosto angelical.

Spielberg revelou que sempre sonhou em dirigir um filme de James Bond. Agora, com a ajuda de DiCaprio, levou para as telas uma história real aproveitando e ironizando muitos dos clichês usados à exaustão nos filmes de 007.

Depois de duas incursões pela ficção científica (A. I. - Inteligência Artificial e Minority Report) com resultados irregulares, Spielberg opta por uma comédia bem construída com a cumplicidade de um elenco afinado. O galã DiCaprio não tem dificuldades para exercitar uma inusitada veia cômica, brincando com sua própria condição de baby face. Quem o viu em Gangues de Nova York ficará surpreso com sua capacidade de mudar de tom, depois de um bom banho e roupas limpas.

DiCaprio é o Frank Abagnale Jr, filho de um comerciante mergulhado em dívidas (Christopher Walken). Seu mundo desmorona quando descobre que a mãe (Nathalie Baye) entrou com o pedido de divórcio, desmascarando um mundo de felicidade que ele acreditava reinar em sua família.

Frank foge de casa e, para sobreviver, aplica pequenos golpes com a falsificação de cheques. O vulto dos golpes cresce quando descobre que os pilotos da PanAm podem descontar cheques com amplas facilidades em agências bancárias espalhadas pelo mundo. E também podem viajar de graça pegando carona nos vôos da empresa. Bastam apenas um uniforme e um quepe da empresa para que o jovem assuma nova identidade.

Os saques freqüentes de cheques falsificados chamam a a atenção do FBI e o agente Carl Hanratty (Tom Hanks) começa a investigar a onda de golpes. Como gato e rato, a dupla cruza o país numa perseguição aparentemente sem fim. Quando Carl consegue descobrir o paradeiro de Frank, o trambiqueiro já mudou de ares ou mesmo de identidade.

Com a polícia cada vez mais perto, Frank falsifica um diploma de médico e é aceito num hospital onde passa a chefiar uma equipe.Por mais inverossímil que possa parecer, a história de Frank é inspirada em fatos reais. O jovem falsário realmente existiu e foi uma grande dor-de-cabeça para a polícia americana, com golpes que lhe renderam milhões e milhões de dólares.

Cineweb-21/2/2003

Luiz Vita


Deixe seu comentário:

Imagem de segurança