"Dois Tempos" vence a edição brasileira do É Tudo Verdade

"Dois Tempos" vence edição brasileira do É Tudo Verdade

Sem assinatura
O filme Dois Tempos, de Arthur Fontes e Dorrit Harazim, foi o vencedor da Competição Brasileira de Médias e Longas do Festival É Tudo Verdade. Na competição brasileira de curtas o vencedor foi A Poeira e o Vento, de Marcos Pimentel.
 
Dois Tempos será apresentado no próximo dia 13, às 20h, na Fundação Joaquim Nabuco, no Recife.
 
Na categoria internacional de médias e longas, o vencedor foi Você Não Gosta da Verdade - 4 Dias em Guantanamo (Luc Côtè e Patricio Hernandez). Fora de Alcance (Jakub Stozek) venceu a Competição Internacional de Curtas
 
Menções honrosas:
 
Cinema Komunisto, de Mila Turajlic (Sérvia)
Viagem a Cabo Verde / Journey To Cape Verde / JOSÉ MIGUEL RIBEIRO (Portugal)
Aterro do Flamengo, de Alessandra Bergamaschi (RJ)
Meia hora com Darcy, de Roberto Berliner (RJ)
 
Prêmios paralelos:
 
Prêmio de Aquisição Canal Brasil (para curtas-metragens da disputa nacional): São Silvestre, de Lina Chamie.
Prêmio ABD-SP (para curtas-metragens da disputa nacional): Hoje tem Alegria, de Fabio Meira.
 
 A 16a edição do É Tudo Verdade exibiu 92 produções de 29 países, entre 31 de março e 10 de abril, em São Paulo e Rio de Janeiro. 
 
Mais informações sobre os premiados

Deixe seu comentário:

Imagem de segurança