A Viagem Imóvel

Mamma mia, deram o Oscar pra Margaret Thatcher!

Por Luiz Vita em 27/02/2012

Todos sabem que o Photoshop nas mãos de gente despreparada ou mal intencionada é um perigo. O maquiador de Meryl Streep errou na dose e criou uma personagem que em nada se parece com a Margaret Thatcher real, apelidade de dama de ferro com muita razão.

Não satisfeita com o penteado a la bolo de noiva, a diretora providenciou uma maquiagem ainda mais profunda, na alma e no caráter da personagerm, tornando-a quase uma líder feminista. Só faltou trilha sonora do Abba para que víssemos nas telas uma reedição de Mamma Mia com gaita de fole. Na mesma faixa de pedestre que os Beatles atravessaram, em Abbey Road, Magy passou ao volante de seu trator atropelando todos que encontrou pela frente.

Rafinha nunca será Billy Cristal

Por mais brega que seja a festa do Oscar, alguns apresentadores fazem seu papel com alguma dignidade e até humor. É o caso de Billy Cristal que consegue fazer graça e se divertir ao mesmo tempo. Sabe dosar o humor sem ser grosseiro, se permitindo algumas brincadeiras que até fogem do politicamente correto.


Deixe seu comentário:

Imagem de segurança